Seguros.inf.br

Notícias

Carta de Conjuntura aponta crescimento e expectativa positiva

pesquisa

01/02/2019

A queda no desemprego e a evolução de alguns indicadores econômicos no final do ano passado geraram grande otimismo no mercado de seguros em relação a 2019. É o que aponta a Carta de Conjuntura do Setor de Seguros, estudo mensal realizado pelo Sincor-SP (Sindicato de Empresários e Profissionais Autônomos da Corretagem e da Distribuição de Seguros do Estado de São Paulo).

“Com a estabilidade política e o otimismo das empresas em relação ao novo Governo, as expectativas para o setor de seguros em 2019 são as melhores possíveis. Essa curva de crescimento será ascendente e nós, corretores de seguros, saberemos aproveitar esse momento de oportunidades”, declara o presidente do Sincor-SP, Alexandre Camillo.

O principal destaque do estudo é o início da queda no desemprego, já que a taxa está se aproximando de 15%, fato que não acontecia desde o início de 2016. O desempenho econômico também foi lembrado, quando a previsão de crescimento está em torno de 2,5% para este ano.

Mantendo o ritmo de avanço, o mercado de seguros mostrou uma variação acumulada de 7%, até novembro do ano passado, nos ramos típicos de seguros, como automóvel, pessoas, residencial, empresarial etc. O valor é influenciado pela queda da receita do seguro DPVAT, que, caso fosse excluído, seria levemente maior, passando de +7% para +8%.
Na separação por ramos, o de pessoas fica em evidência, já que registrou um crescimento de 10%, superando a taxa de inflação e arrecadando R$ 34,3 bilhões, entre janeiro e novembro do ano passado.

Fonte: Sincor-SP




« Voltar

Ver todas

Seguros.inf.br © 2011 - 2019 - Sacla Comunicação Ltda - Todos os direitos reservados.